Como aplicar o método e falar inglês mais rápido do que imagina

Se você está interessado em saber como aprender a falar inglês em um tempo recorde, aplicando um método comprovado por professores de Harvard, está no lugar certo. Na primeira parte desse artigo, você descobriu que o método de aprendizagem acelerada vai levar o seu inglês para outro nível um curtíssimo espaço de tempo…

Hoje eu vou te ensinar um passo a passo para que você possa aplicar o método. Mas antes de iniciar, quero dizer que estou feliz, pois sei  que se você estiver de fato comprometido em levar o seu inglês para outro nível, aplicando as dicas que vou te passar e estudando com o método, você vai conseguir e o inglês não será mais motivo de vergonha.

Mas, vamos ao que interessa, agora vou te mostrar com mais detalhes omo aplicar o método e falar inglês e mudar a sua vida. Mas, antes de falar o que estudar e como estudar, vou te explicar quando você deve estudar.

O melhor horário para estudar:

Claro que você pode estudar a qualquer horário do dia, não tem problema e isso é bom. Mas existem dois horários que são ainda melhores para o seu aprendizado, que são logo pela manhã e a noite antes de dormir. Estudar nesses dois horários combinados vão te transformar em uma máquina de aprender seja o que for, inclusive o inglês.

No artigo anterior, te falei a respeito de dar prioridade nos estudos, separando possíveis situações que você vai enfrentar durante uma viagem, uma entrevista ou algo do tipo. Falei também a respeito de enganar seu cérebro para que ele pense que uma situação de treino é uma situação real. E hoje eu quero te falar mais uma vez sobre como burlar o seu cérebro para você aprender mais em menos tempo. Não basta você dizer que o inglês é a sua prioridade, pois o seu cérebro nem sempre é fácil de convencer. Você precisa provar para ele que o inglês é realmente uma prioridade.

E como fazer isso? Voltando ao melhor horário para estudar, você vai fazer isso, estabelecendo contato com o inglês assim que acordar e um pouco antes de dormir. Ou seja, o inglês será a primeira e a última atividade intelectual do seu dia.

Vou te explicar mais sobre esse método:

Enquanto dormimos o nosso cérebro continua trabalhando para organizar toda a informação que ele recebeu durante o dia, e ele faz isso como uma forma de proteção pois colocamos muita informação inútil para dentro dele, as vezes a informação até já foi útil em um determinado momento e não é mais. Acontece que se o cérebro deixar tudo lá, uma hora não vai ter mais “espaço” e o “computador” pifa, no caso, quem vai pifar é você rs…

Então essa máquina poderosa que você tem dentro da sua cabeça, guarda o que ela acha importante e joga fora o que ela considera desprezível, seu cérebro faz isso recapitulando as informações de traz para frente. Ou seja, do momento que você dorme até a hora que você acordou.

Quando seu cérebro percebe que a primeira informação é igual a última, a mágica acontece, pois ele entende que essa informação é uma prioridade para você e armazena de forma mais eficaz.

Bom, agora que você já sabe qual é o melhor horário para estudar e por que…


Como estudar?

1- Separe as situações que você vai passar: Já falamos um pouco sobre isso no artigo anterior, mas, vamos imaginar que você tem uma reunião com um cliente americano. Você já sabe que vai precisar recebê-lo na empresa, oferecer um café, levar para almoçar, falar a respeito da cidade e muito mais. Então, você já sabe o que vai passar, por isso já pode ir formulando essas situações.

2- Crie possíveis diálogos para essas situações: Você vai criar diálogos com muita atenção e vai usar o máximo de criatividade.

3- Traduza esses diálogos: Depois de separar as situações e criar os diálogos, você vai traduzi-los, podendo usar ferramentas disponíveis na internet ou até mesmo dicionários. Apesar das ferramentas traduzirem ao pé da letra, pois são máquinas que não detectam emoções, acabam comentando grandes erros, então use esse tipo de ferramenta somente como um apoio.

4- Faça a leitura: Comece a ler o diálogo em inglês e vá tentando relacionar com o diálogo em português. As palavras que você ainda não souber, você pode pesquisar no tradutor até ficar pelos menos um pouco mais fresca na sua memória, nada demais, apenas para que seu cérebro tenha uma leve memória dela.

5- Interprete: Agora a brincadeira começa, você vai interpretar esse diálogo, colocando emoção, mudando as vozes e se imaginando na situação. Lembre-se que você precisa enganar o seu cérebro, e nessa hora vale usar a criatividade, olhar fotos na internet que te remetem ao lugar que se passa o diálogo, colocar algum som de fundo que faça sentido com o diálogo, nesse momento você tem várias alternativas.

Exemplo prático:

Digamos que você vá para os EUA e já sabe que vai fazer compras. Sabendo disso, você vai criar um possível diálogo em português e traduzi-lo para o inglês (pode usar o Google tradutor). Você estará com um diálogo em inglês, parecido com esse:

VendedorCliente:

– Can I help you?
– Yes, I’d like to see a t-shirt
– Any favorite color?
– I want a blue one.
– That’s nice, Can I try it on?
– For sure. The changing rooms are this way.
– How does it fit?
– That’s great. I’ll take it.
– Will you pay in check or credit card?
– With credit card. Here it is
– Thank you. Could you please sign up here?
– For sure! Thank you. Have a nice day!
– Thank you. Goodbye.

P.S: Você vai ler esse diálogo colocando entonação e muita emoção, como se estivesse vivenciando.

Outra ferramenta do método de Aprendizagem Acelerada que você pode usar, é relacionar as principais palavras ou frases com imagens, isso vai ativar a parte mais poderosa do seu cérebro e vai acelerar ainda mais o seu aprendizado.

Então, selecione imagens que tem relação com o diálogo, pois elas vão ajudar seu cérebro a guardar com mais facilidade as informações. Depois você vai ler o diálogo novamente, mas com imagens. Vai perceber que mesmo não entendo o inglês, conseguirá compreender do que se trata o diálogo.

Não tem uma regra exata de como usar as imagens para fazer a associação, na verdade tem vários modos e você pode escolher o que achar melhor. Por exemplo, você pode olhar as imagens antes e observar enquanto contracena, assim estará fazendo um caminho de memória com as imagens. Bom, existem várias formas de você fazer essa associação, o importante mesmo é você fazer.

Porque estou te explicando isso?

Você pode se perguntar o motivo em que estamos falando sobre esse assunto, sobre o método de Aprendizagem Acelerada e te dando essas explicações.

A verdade é que se você está em nossa lista de e-mails nós já te consideramos nosso aluno, e por isso nos sentimos na obrigação de te ensinar… E nós de verdade esperamos que você esteja aprendendo muito com essa série de artigos.

Mas muitas pessoas estão nos perguntando como dar o próximo passo para aprender inglês definitivamente… E eu digo, o próximo passo você é quem decide, ou você pega tudo o que estamos te ensinando e coloca em prática por conta própria, e se você optar por isso, ótimo, já estará no caminho certe e te desejo muita boa sorte na sua jornada…

Ou você pode fazer a escolha que a maioria das pessoas que precisam falar inglês de verdade estão fazendo, que é deixar que nós da Universidade do Inglês façamos o trabalho duro por você, afinal, já fizemos isso mais de 32.000 vezes.

Isso quer dizer que você não será nenhuma cobaia, esse é um método testado e aprovado por professores de Harvard, e é um método garantido, onde uma vez que você passe por todo o processo, você vai sair falando inglês.

See you soon! (Te vejo em breve)
Bye bye…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.